15 de abr 2019

Procissão do Encontro

Neste dia, proclama-se, durante a Missa, o Evangelho segundo São […]

Neste dia, proclama-se, durante a Missa, o Evangelho segundo São João. Seis dias antes da Páscoa, Jesus chega a Betânia para fazer a última visita aos amigos de toda a vida. Está cada vez mais próximo o desenlace da crise. “Ela guardava este perfume para a minha sepultura” (cf. João 12,7); Jesus já havia anunciado que Sua hora havia chegado.

A primeira leitura é a do servo sofredor: “Olha o meu servo, sobre quem pus o meu Espírito”, disse Deus por meio de Isaías. A Igreja vê um paralelismo total entre o servo de Javé cantado pelo profeta Isaías e Cristo. O Salmo é o 26: “Um canto de confiança”.

A Procissão do Encontro é a celebração realizada tradicionalmente na Quarta-feira Santa e acontece em muitas paróquias, especialmente no interior do país.

Os homens saem, de uma igreja ou local determinado, com a imagem de Nosso Senhor dos Passos; as mulheres saem de outro ponto com Nossa Senhora das Dores.

Acontece, então, o doloroso encontro entre a Mãe e o Filho. O padre proclama o célebre “Sermão das Sete Palavras”, fazendo uma reflexão, que chama os fiéis à conversão e à penitência.

  1. “Pai, perdoa lhes porque não sabem o que fazem” (Lucas 23,34)
  2. “Hoje estarás comigo no paraíso” (Lucas 23,43)
  3. “Mulher eis aí o teu filho, filho eis aí a tua mãe.” (João 19,26-27)
  4. “Meu Deus, Meu Deus, porque me abandonastes!” (Marcos 15,34)
  5. “Tenho sede”. (João 19,28b)
  6. “Tudo está consumado”. (João 19,30a)
  7. “Pai, em tuas mãos entrego o meu espírito”. (Lucas 23,46b)

FONTE: CANÇÃO NOVA

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

MENU