6 de Nov 2017

Violento tiroteio sitia a cidade de Uberaba nesta madrugada

Bandidos fortemente armados com diversas armas de grosso calibre, inclusive fuzis, realizaram disparos de arma de fogo nesta madrugada, deixando uberabenses preocupados. Os tiros começaram por volta de 3h20 desta segunda-feira (6), nas proximidades da Mojiana, no Fabrício. O alvo dos bandidos era a Rodoban Segurança e Transporte de Valores, que fica no bairro Boa Vista. A sede da empresa foi cercada para que os policiais não pudessem se aproximar. Foi uma ação meticulosamente programada pelos criminosos e durou mais de duas horas, deixando rastro de destruição e medo.

A sede do 4º Batalhão da PM foi sitiada, com os militares sendo vigiados pelos bandidos por drones. Carros chegaram a ser incendiados.

Pelas primeiras horas desta manhã, os ônibus não circularam em Uberaba. Não há registro de mortos; somente o registro de um ferido, que pode ter sido vítima do incidente desta madrugada por ter transitado pelos locais onde as ações criminosas aconteceram sem informação sobre a situação em que a cidade se encontrava.

Segundo o Tenente Coronel PM Waldimir, a situação já está controlada e a PM já tem informações sobre a fuga dos bandidos e os veículos usados por eles.

A situação em Uberaba já foi controlada e a orientação do delegado chefe do 5º Departamento de Polícia Civil, Heli Andrade, é para que os uberabenses retornem suas rotinas. A situação mais delicada no momento é na zona rural.

A Polícia Militar, Polícia Civil e Polícia Federal trabalham juntos na operação, com o apoio de policiais também de diversas cidades mineiras e também das adjacências. Informações preliminares dão conta que eram cerca de 30 homens na ação.

“Vários indivíduos adentraram a cidade com veículos e estratégias paramilitares, colocação de miguelitos (objetos feitos com pregos) para furar os pneus de viaturas e outros que possam mobilizar tropa. E também a questão das explosões de alguns transformadores para tirar a eletricidade de alguns pontos e consequentemente minar condições de comunicação”, informou major Flávio Santiago, chefe da sala de imprensa da Polícia Militar (PM), sobre o ocorrido

Os criminosos queimaram cinco carros nas adjacências da Rodoban e abandonaram seis veículos no bairro Morada do Sol, perto da Pedreira, assim como um caminhão com explosivos dentro.

Ainda durante os primeiros estampidos ouvidos pelos uberabenses, vários vídeos e áudios atribuídos às autoridades policiais foram divulgados pelas redes sociais. O bárbaro crime logo tomou conta da web e a palavra Uberaba aparece nos trending topics mundiais do Twitter. Contudo, é preciso cautela com o que acreditar.

Circulam nas redes sociais diversas fake news e a polícia pede calma aos uberabenses, assim como atenção com a divulgação de informações. Segundo a assessoria de comunicação da PM, os bandidos não contaram com auxílio de avião na ação, não há feridos e ninguém foi preso até o momento.

Após o ocorrido, circularam ainda notícias de que outro tiroteio tomava conta da avenida Saldanha Marinho, no bairro Abadia, mas não há registro de tal ocorrência nos meios policiais, tratando-se de mais uma notícia fake circulando pelas redes sociais.

“Havia um vigilante com um revólver 38 no local. Ficou na guarita, os homens mandando ele não sair e atirando contra a guarita. Eles fizeram cerco também colocando correntes em alguns pontos da cidade para dificultar o tráfego veicular”, afirmou o militar.

A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) presta serviço no bairro para restabelecer o fornecimento de energia.

Por conta da ocorrência, a Superintendência Regional de Ensino suspendeu as aulas em 41 escolas da rede estadual de Uberaba por questão de segurança.

Fonte: ejornais.com.br/jornal_da_manha
Fotos: Sérgio Teixeira, Jairo Chagas, Sandro Neves e Divulgação

 

Assalto Rodoban Uberaba (1) Assalto Rodoban Uberaba (1) Assalto Rodoban Uberaba (2) Assalto Rodoban Uberaba (3) Assalto Rodoban Uberaba (4) Assalto Rodoban Uberaba (5)

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>