16 de Dez 2013

PROMESSAS CUMPRIDAS

Estando plenamente em sintonia, com todo o conteúdo do Natal, é possível entender a realização, na história da salvação, do cumprimento das promessas anunciadas pelos profetas do Antigo Testamento. No nascimento de Deus, Jesus se torna verdadeiramente humano, assumindo, em sua pessoa, todas as realidades contidas na fraqueza humana.

A origem de Jesus Cristo é divina, mas sua presença na terra não foi diferente da vida de todos os seres humanos. Nasceu na vila de Belém como algo de novo, fato nunca acontecido antes na história. Isto envolve dois fatos inéditos: nasceu de uma virgem e concebido pelo poder do Espírito Santo, cumprindo a profecia da Escritura (Mt 1, 22 – 23).

Em Jesus Cristo Deus se torna visível e palpável. A palavra “Jesus” é igual a Josué, que em hebraico significa “salvador”. Com Ele começa a era messiânica, sendo revelado Deus no meio do povo com um anúncio totalmente novo, marcado essencialmente pela palavra “amor”. Só conseguimos entender todo o mistério de Deus no mundo tendo em conta o amor.

Além de ser o cumprimento da promessa (Is 7, 14), o nascimento de Jesus no Natal, é também ocasião de quebra de certas estruturas, tanto pessoais como comunitárias. As opções puramente materiais do coração humano devem ser conhecidas, assumindo os esquemas propostos pela Palavra de Deus. Só assim que o Natal passa a ter sentido.

Na esfera bonita das festas natalinas, tudo inspira alegria. Não simplesmente pela chegada do fim do ano, pelos presentes trocados e pela confraternização das famílias, amigos e comunidade, mas pela chegada do “Presente-Jesus”. Ele é o alvo principal, o realizador das promessas, milenarmente esperado e gora se tornando realidade. Ele é o “Emanuel”, o Deus conosco na história.

Na fragilidade de uma criança, a humanidade se fortalece, porque nasce o autor da salvação, de valor incomensurável. Com isto, há possibilidade de encontro das pessoas com Deus, entrando no mistério de sua vida. Para isto, é importante um sim coerente de nossa parte. Feliz e Santo Natal para você.

Dom Paulo Mendes Peixoto - Arcebispo de Uberaba.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>