23 de Jan 2014

PAPA ABENÇOA CORDEIROS NA MEMÓRIA DE SANTA INÊS

No último dia 21 de janeiro, no Vaticano, “o Papa Francisco benzeu dois cordeiros brancos na memória litúrgica de Santa Inês (séc. III-IV), seguindo uma tradição centenária.

A lã destes animais será utilizada para a confecção dos pálios, faixa de lã branca com seis cruzes pretas de seda envergada pelos arcebispos metropolitas nas suas igrejas e nas da sua província eclesiástica.

A bênção dos cordeiros aconteceu na Casa de Santa Marta: um dos animais vai enfeitado com flores brancas, símbolo da virgindade de Santa Inês, e outro com flores vermelhas, símbolo do seu martírio.

Santa Inês, cujo nome latino (Agnes) se associa à palavra em latim para cordeiro (agnus), está enterrada na basílica que lhe é dedicada, na Via Nomentana, em Roma, e é para lá que são levados os cordeiros após a bênção papal.

O pálio é uma insígnia litúrgica de ‘honra e jurisdição’ que é imposta pelo Papa na solenidade de São Pedro e São Paulo, a 29 de junho”.

Fonte: agencia.ecclesia.pt

Cordeiro3

Cordeiro4

Cordeiro2

 

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>