25 de Set 2017

Furacão e greve de pilotos deixam 18 uberabenses presos no Caribe

Dezoito pessoas de família uberabense estão presas em Punta Cana, no Caribe, onde o furacão Maria passou causando muitos transtornos. A família do uberabense Osmar Ferreira da Cruz está desesperada, pois deveria voltar para o Brasil na última quarta-feira, dia 20, após período de férias, mas o voo foi cancelado por causa do furacão e remarcado para esta segunda-feira, dia 25.

Além da família de Osmar, também estão em Punta Cana outros dois irmãos e suas respectivas famílias, sendo 15 de Uberaba e três de Itumbiara.
Passado o susto do furacão, o que parecia estar resolvido, acabou virando um problema ainda maior. A Avianca suspendeu o voo por causa da greve dos pilotos da empresa aérea, na Colômbia.

Com a greve dos pilotos, os brasileiros, entre eles uberabenses, não têm data para retorno e temem a perda dos respectivos empregos. Inclusive, três pessoas estão em estágio probatório.

Em contato com a família em Uberaba, eles disseram que hoje o grupo vai procurar o Consulado Brasileiro onde deverá realizar piquete para tentar resolver a questão. Outro problema é a falta de recursos financeiros para pagar as despesas, uma vez que foram orientados a arcar com os gastos com a promessa de serem ressarcidos em Uberaba.

Desde o dia 20, mais de 690 pilotos cruzaram os braços por conta da intransigência da Avianca na negociação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) da categoria.

Em negociação desde agosto, a empresa não cumpriu as reivindicações dos trabalhadores que exigem equiparar as condições de trabalho dos pilotos do país com o praticado internacionalmente pela companhia, melhorando as condições de segurança, tempo de voo e problemas de fadiga dos pilotos.

Fonte: jmonline.com.br

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>