23 de Ago 2016

Eleições 2016: Aplicativo permite que eleitores denunciem infrações

Nenhum comentário

Mais de 144 milhões de brasileiros vão às urnas em outubro deste ano para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos cinco mil 568 municípios do país. Para incentivar o papel de fiscalizador do eleitor, a Justiça Eleitoral aprimorou os instrumentos de controle do processo eleitoral.

Por meio eficaz e ágil de combate à corrupção, resguardando a legitimidade das eleições e a igualdade na disputa dos cargos eletivos, o Tribunal Superior Eleitoral já disponibilizou, em âmbito nacional, o aplicativo para dispositivos móveis chamado Pardal. A ferramenta permite ao eleitor denunciar infrações eleitorais por meio do envio de textos, vídeos, fotos ou áudios, para auxiliar a Justiça Eleitoral na fiscalização e manutenção da regularidade das campanhas eleitorais.

No Pardal, os ilícitos eleitorais estão classificados em: propaganda eleitoral; compra de votos; uso da máquina pública; crimes eleitorais; doações e gastos eleitorais, entre outros. As notícias de ilícitos serão encaminhadas automaticamente para bancos de dados com acesso do Ministério Público Eleitoral e cada Tribunal Regional Eleitoral também será informado sobre as supostas infrações. O Pardal Móvel já está disponível no Google Play e nos sistemas iOs e Android.

Com informações do Tribunal Superior Eleitoral, reportagem Thamyres Nicolau.

Fonte: agenciadoradio.com.br

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>