25 de Nov 2013

A FÉ SÓ É POSSÍVEL COM TESTEMUNHO

Cerca de três mil pessoas participaram neste domingo (24), no ginásio Marista Diocesano, da celebração eucarística que marcou o encerramento do Ano da Fé na Arquidiocese de Uberaba. O ano foi instituído em 2012 pelo papa emérito Bento XVI.

As atividades, das 8 ás 14 horas, atraíram 2.850 fiéis das 20 cidades ligadas a arquidiocese uberabense. Do interior as maiores caravanas vieram de Frutal, Delta e Araxá.

Num primeiro momento houve as apresentações das pastorais da Catequese, Familiar e Juventude. Posteriormente, irmão João Rezende, de Caratinga – MG abordou a Fé Vivida nas Comunidades. “A fé é o resultado do nosso encontro pessoal com Cristo e o seu projeto,” disse ele, enfatizando que fé e vida têm que caminhar juntas.

Encerrando, Dom Paulo Mendes Peixoto presidiu celebração que contou com a participação de quase 50 padres. A liturgia deu ênfase a festa de Cristo Rei e os dois pontos principais do Ano da Fé que foram os 50 anos do Concilio Vaticano II e os 20 anos do Catecismo da Igreja Católica.

Em sua pregação o arcebispo citou os vários eventos realizados, como encontros, simpósios e congressos, nestes 12 meses em que a Igreja Católica levou os cristãos a aprofundarem no dom da fé. Segundo Dom Paulo Peixoto não se concebe falar em fé sem testemunho, sem comprometimento com o Reino de Deus. Dentro disto ele conclamou as pessoas para que pratiquem a fé, ressaltando que através dela é possível transformar a realidade de morte em esperança.

Rubério Santos – Assessor de Imprensa da Arquidiocese de Uberaba

1471795_1426317017585880_440254355_n

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>